Quando existe amor, mas não gostamos mais

Quando existe amor, mas não gostamos mais

É doloroso descobrir que não gostamos mais de estar ali, que aquela pessoa não se encaixa mais no seu ritmo, que descompassado não acompanha mais a nossa mesma estrada. Talvez demoremos um tempo pra perceber que enquanto uns se reencontram numa estação, outros se despedem, e que assim a vida nos encaminha, e muitas vezes, quando nos encontramos com nós mesmos nos despedimos de velhos amigos. Mas dói, dói ver um grande amor ir embora, ou até mesmo começar a ver um amigo um pouco menos…

É comum acreditarmos que o que é real não acaba, que amizade e relacionamentos verdadeiros são pra vida inteira, mas precisamos confessar que na prática, a teoria é outra, que o afeto sim pode ser eterno, mas que aquela “vontadinha” de se encontrar e estar sempre por perto, talvez não. Podemos dizer do fundo do coração que o sentimento de amizade é sim eterno, mas que manter o contato semanal, ou o relacionamento constante nem sempre é possível. A vida começa a tomar rumos que às vezes levam a gente pra mais longe, de repente nos vemos distantes, ou em fases totalmente diferentes.

O afeto vai além de todas essas incompatibilidades, nenhum desses fatores da caminhada anula o amor que sentimos, nenhum crescimento, mudança ou evolução é capaz de tirar a importância que certas pessoas tem em nossos corações. Acontece que quando começamos a encarar a vida de forma mais real, percebemos que a história não vem pronta e que precisamos desdramatizar as coisas, pra conseguir construir de forma mais bonita, leve e efetiva, e que muitas vezes não há mais como trocar com quem não está no mesmo jogo que nós.

Se a “metamorfose” é claramente “ambulante” e que toda manhã, sem falta, levantamos um pouco diferente, porque tanta dificuldade pra aceitarmos que as amizades e as relações amorosas acabam? Que sim, é possível amar uma pessoa e não gostar mais dela, declarar isso é tão forte, chega parecer não combinar as palavras, mas fingir que ainda há intimidade e gosto é mais triste que todo esse texto.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.